LOADING

Type to search

Diversos Opinião

Um novo começo

Rafaela Paludo 6 de março de 2018
Share

Vou começar esse texto logo de cara mandando a real: não é fácil criar conteúdo para a internet. E essa frase, apesar de simples, possui diversas interpretações. Afinal de contas, qual parte de criar conteúdo para a internet não é fácil? Seria escrever os textos para o blog? Roteirizar, gravar e editar os vídeos para o YouTube? Produzir fotos para o Instagram? Ou seriam as marcas as grandes vilãs, que só oferecem publicidade para veículos que possuem números astronômicos?

Na minha humilde opinião, todas essas coisas são difíceis, sim. Mas o mais difícil é se organizar dentre tantas tarefas, produzindo em um ritmo razoável para o público internauta (alguém ainda usa essa palavra?), sem perder o seu propósito em troca de um número grande de likes/seguidores/inscritos/engajamento.

Muita gente se autointitula perfeccionista com o objetivo de apontar um defeito do bem em sua personalidade. Afinal de contas, falar que é perfeccionista faz você parecer a rainha da cocada, que não aceita menos que o ideal em sua vida pessoal e profissional. Na prática, ser perfeccionista é bem menos empolgante. A necessidade de atingir a perfeição – que é um conceito particular – costuma se traduzir em projetos abandonados, esperando o momento ideal para serem colocados em prática. Spoiler: esse momento ideal nunca chega!

Minha vontade de criar conteúdo para a internet somada com meu perfeccionismo (não o bacana, mas sim aquele que te faz ficar plantada no mesmo lugar) resultaram em um período nada favorável para o Chovendo Livros. E apesar do blog e do canal estarem jogados às moscas para quem via de fora, posso garantir que não houve um dia sequer em que eu não me culpasse por essa falta de produtividade. E, como tudo na vida, quanto mais tempo empurramos uma situação com a barriga, mais difícil fica de dar a volta por cima.

Felizmente consegui colocar um ponto final nessa situação que há muito me incomodava. Não pensem que essa mudança ocorreu da noite para o dia: foram semanas me organizando para fazer tudo voltar aos conformes e acertar um ritmo de postagens no blog e de vídeos para o canal. Mas dessa vez eu havia colocado um prazo para eu mesma resolver tudo isso.

Lembra no início do texto, quando eu falei sobre a dificuldade de criar conteúdo para a internet? Basicamente, a maior dificuldade é que você é sua própria chefe. E não importa as dificuldades que você enfrenta, você precisa trabalhar com o que tem. Vocês não acharam que eu ia jogar essa culpa pra um fator externo, não é mesmo?

Além disso, eu decidi que gostaria de começar 2018 de cara nova por aqui. Como boa designer gráfica que sou, nossas mudanças começam sempre pela identidade visual da empresa, que precisa refletir os conceitos da mesma. É com pesar no coração que hoje vamos nos despedir dos abacaxis. Eu sei, é difícil. Mas mudanças são necessárias!

E é com orgulho que apresento para vocês a nova identidade visual do Chovendo Livros:

Quem acompanha o blog e o canal está careca de saber que ficção científica é meu gênero literário preferido (o certo seria chamar de subgênero, mas achei muito formal para esse texto) e meu objetivo era deixar isso subentendido. Por isso a órbita, que além de remeter ao espaço, também representa todos os novos assuntos que serão abordados no Chovendo Livros em 2018.

Se você está lendo isso, certamente já deu de cara com o novo layout do blog. Além da aparência, também surgiram algumas seções novas, que serão preenchidas ao longo do ano com muitos textos cheios de amor! Ah, também preciso tornar público o agradecimento ao meu amigo Henrique Beier, que ajudou a deixar o blog com essa cara, e à Clayci do Sai da minha lente. Sem vocês, eu não teria conseguido lidar com o temperamento do WordPress ♥

No mais, desculpem pelo desabafo. Quando comecei a escrever esse texto, não pretendia que ele fosse tão realista. Se você já passou por um momento de bloqueio criativo, quero que se sinta abraçado(a) e não desista dos seus projetos, por mais difícil que pareça. Não existe fórmula mágica, mas respirar fundo e dar um passo de cada vez é a dica que eu gostaria de deixar.

Vamos construir coisas incríveis em 2018!

Tags:
Rafaela Paludo

Apaixonada por livros, dias chuvosos e xícaras de chá.

  • 1

10 Comments

  1. Henrique Beier 6 de março de 2018

    Rafa, parabéns pelo recomeço! A nova id visual ficou ótima e tem tudo a ver com o conteúdo.
    Em menor grau, também me identifico com o drama de criar conteúdo para internet. Pra mim, desenhar fontes é a parte fácil. O mais difícil é manter uma presença nas redes sociais. E em mais de uma ocasião já quis começar um blog sobre tipografia, mas eu me conheço bem. Te admiro por ter dado esse passo.

    Responder
    1. Rafaela Paludo 19 de março de 2018

      Beier, obrigada mesmo pelas palavras! Sabe, ainda não cumpro todos os passos ideais de divulgação de conteúdo, cronograma e etc. Mesmo trabalhando com isso, aquele ditado da casa de ferreiro, espeto de pau parece nunca sair de moda, haha. Mas se a gente se programar demais as coisas não saem do papel (no meu caso, pelo menos). Acho que estamos precisando de um blog de tipografia, hein? A produção de conteúdo voltado pro design no Brasil diminuiu drasticamente desde que a gente saiu da faculdade :( Só um incentivo, hehe. E estamos aí para o que precisar!

  2. Henrique Beier 6 de março de 2018

    E quanto à ajuda com o WordPress, estamos aí pra isso. Fico feliz em poder ajudar :)

    Responder
    1. Rafaela Paludo 19 de março de 2018

      PRECISAMOS MARCAR A JANTA! E obrigada novamente pela ajuda <3

  3. Juliane 6 de março de 2018

    Uma rainha é uma rainha, não é amores?
    Rafa, estou super feliz por você ter entrado nessa nova fase e estar se sentindo melhor com sua profissão.
    Vira e mexe me pego tendo as mesmas dúvidas e repensando várias coisas relacionadas ao blog.
    Adorei a nova identidade visual do blog, você arrasou como sempre!
    Não esqueça que estou aqui pro que precisar :)
    Beijos!

    Responder
    1. Rafaela Paludo 19 de março de 2018

      Rainha é tu, né, Ju? Essa coisa de blog é o tipo de coisa que a gente vive se perguntando por que se meteu, né? Aí eu lembro que conheci muita gente incrível, como tu, e tudo vale muito a pena <3 Além disso, tem a parte de falar sobre livros, que foi ma motivação inicial. Às vezes precisamos só de um tempo para respirar e reencontrar essas motivações. Tô ansiosa por sextaaaaaa :D

  4. Dai Castro 7 de março de 2018

    Ahh que alegria ver blogueiras retomando os seus cantinhos na internet! O chovendo livros está com uma nova identidade visual incrível, adorei!
    As vezes a gente precisa dar uma pausa nos projetos para se reorganizar, mas entendo o seu lado perfeccionista (negativo) que fica esperando as condições ideais para agir e isso nos paralisa. Mas vamos superando esse nosso lado e seguindo em frente! <3

    Responder
    1. Rafaela Paludo 19 de março de 2018

      Oi, Dai! Arrumei o lance do avatar e agora não acho mais que teu comentário sou eu, hahahaha! Obrigada mesmo pelas palavras :) Precisamos respeitar nosso tempo, mas sem desistir dos nossos projetos. Beijo grande e estou super ansiosa por sexta <3

  5. Nilsen 8 de março de 2018

    Eu super a favor de novos começos e já amei muito a nova fase do Chovendo Livros! Vai ser incrível, tenho certeza :)

    Responder
    1. Rafaela Paludo 19 de março de 2018

      Obrigada, Nil querida! <3 Infelizmente às vezes passamos por essas ressacas criativas, mas não podemos nunca nos render, sempre respeitando nosso tempo. Beijo grande <3

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *