LOADING

Type to search

Livros Resenhas Uncategorized

Um título auto-explicativo

Rafaela Paludo 2 de fevereiro de 2016
Share

Como não ser um babaca é um manual prático de boas maneiras para a boa convivência em sociedade. Escrito e ilustrado por Meghan Doherty, o livro pretende ser engraçadinho falando coisas óbvias sobre comportamento humano, mas que no dia a dia parecem não tão óbvias pois as pessoas se fazem de loucas.

IMG_4322

É o livro perfeito para você dar de presente (anônimo, claro) para aquela pessoa que precisa de uns toques. Brincadeiras à parte, algumas partes do livro podem ser bem úteis para quem está ingressando agora no mercado de trabalho, pois dá boas dicas sobre linguagem em e-mails, postura durante reuniões, etc.

O livro possui, dentre outros, capítulos sobre escola, trabalho e relacionamentos amorosos – o que me fez ficar um pouco confusa sobre o público ao qual ele seria direcionado. Também fiquei em dúvida até que ponto o livro pretende fazer piada de situações cotidianas, pois algumas dicas para não ser um babaca pareceram bem sérias.

Como não ser um babaca é aquele típico livro para ler enquanto espera o tempo passar, na fila do banco ou no banheiro (não precisa ter vergonha, todos fazemos isso). A edição da Intrínseca ficou impecável, com capa dura e papel amarelado. A propósito, é incrível ver como as editoras brasileiras estão investindo na qualidade gráfica dos livros. Estão de parabéns! Não esqueça de deixar seu comentário e mandar essa resenha como indireta dica de leitura para alguém. Boas leituras!

SELO_BLOGSPARCEIROS_2015

Tags:
Rafaela Paludo

Apaixonada por livros, dias chuvosos e xícaras de chá.

  • 1

2 Comments

  1. Juliane 3 de fevereiro de 2016

    Oi Rafa! Esse livro é novo? Sinto que eu tive vontade comprar ele há muito tempo atrás, ou talvez fosse o “o mínimo que você precisa saber para não ser um idiota” HAHAHAH olha esses títulos!
    Acho que as editoras passaram a levar capas e edições a sério depois que a Dark Side mostrou pra todo mundo como se faz :P
    Tenho vontade de dar esse livro pra tanta gente que o dedo de comprar até treme! Ótima indicação!
    Beijos!

    Responder
  2. Chell 3 de fevereiro de 2016

    Eu vi a resenha desta livro em outro lugar que não lembro onde, e achei super bacana hahaha tava querendo ler, mas to sem tempo$$$ =/

    Responder

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *